Sarampo: surtos continuam. Mas o que fazer?

Sarampo: surtos continuam. Mas o que fazer?

91

Infelizmente, novos casos de sarampo têm surgido diariamente no Brasil – ainda que a vacina seja segura, eficaz e de acesso fácil e gratuito nos postos de saúde. Mas como se prevenir dessa doença que está em ascensão?

O sarampo é uma doença infecciosa grave, causada por um vírus, que pode ser fatal. Sua transmissão ocorre quando o doente tosse, fala, espirra ou respira próximo de outras pessoas e a única maneira de evita-lo é pela vacina.

Quais são os sintomas do sarampo?
  febre acompanhada de tosse;
  irritação nos olhos;
  nariz escorrendo ou entupido;
  mal-estar intenso;

Em torno de 3 a 5 dias, podem aparecer outros sinais e sintomas, como manchas vermelhas no rosto e atrás das orelhas que, em seguida, se espalham pelo corpo. Após o aparecimento das manchas, a persistência da febre é um sinal de alerta e pode indicar gravidade, principalmente em crianças menores de 5 anos de idade.

Complicações do sarampo
Crianças
Pneumonia– Cerca de 1 em cada 20 crianças com sarampo pode desenvolver pneumonia, causa mais comum de morte por sarampo em crianças pequenas;
Otite média aguda(infecções de ouvido) – Ocorre em cerca de 1 em 10 crianças com sarampo e pode resultar em perda auditiva permanente;
Encefalite aguda– 1 em cada 1.000 crianças podem desenvolver essa complicação e 10% destas podem morrer;
Morte– 1 a 3 a cada 1.000 crianças doentes podem morrer em decorrência de complicações da doença.

Adultos
Pneumonia

Tratamento
Não existe tratamento específico para o sarampo. Os medicamentos são utilizados para reduzir o desconforto ocasionado pelos sintomas da doença.

Prevenção: somente por vacinas
Quem deve se vacinar?
  Dose zero: Devido ao aumento de casos de sarampo em alguns estados, todas as crianças de 6 meses a menores de 1 ano devem ser vacinadas (dose extra).
  Primeira dose:  Crianças que completarem 12 meses (1 ano).
  Segunda dose: Aos 15 meses de idade, última dose por toda a vida.

Adulto deve se vacinar contra o sarampo?
Tomou apenas uma dose até os 29 anos de idade:

  • Se você tem entre 1 e 29anos e recebeu apenas uma dose, recomenda-se completar o esquema vacinal com a segunda dose da vacina;
  • Quem comprova as duas doses da vacina do sarampo, não precisa se vacinar novamente.

Não tomou nenhuma dose, perdeu o cartão ou não se lembra?
De 1 a 29 anos– São necessárias duas doses;
De 30 a 49 anos– Apenas uma dose.

Onde tomar a vacina?
As vacinas são oferecidas em unidades públicas e privadas de vacinação. No SUS, as vacinas são gratuitas, seguras e estão disponíveis nas mais de 36 mil salas de vacinação em postos de saúde em todo o Brasil.

 Fonte: Ministério da Saúde