Isenção de IOF é estendido a empréstimos até 31 de dezembro

Isenção de IOF é estendido a empréstimos até 31 de dezembro

125

A Petros anunciou em seu Portal que o governo estendeu até 31 de dezembro a isenção do Imposto sobre Operações Financeiras (IOF) na concessão de empréstimo. A isenção estaria em vigor até 2 de outubro. A medida foi determinada em 3 de abril pelo governo como parte das ações para enfrentar o impacto financeiro da pandemia do coronavírus. O valor disponível para empréstimo depende da sua margem consignável e das regras do seu plano.

Quando o IOF é cobrado, a taxa total, de 3,38%, é descontada do valor concedido pela Petros e integralmente repassada ao governo. Devido à isenção esta cobrança não incidirá sobre o valor do empréstimo Petros.