Governo volta a isentar IOF na concessão de empréstimos até 31/12

Governo volta a isentar IOF na concessão de empréstimos até 31/12

234

O governo publicou um decreto que isenta novamente a cobrança de alíquota do Imposto sobre Operações Financeiras (IOF) na concessão de empréstimos. A medida volta a valer a partir da próxima terça-feira (15/12) e segue em vigor até 31 de dezembro.

De acordo com a Petros, os participantes de planos que contam com o serviço de empréstimo e que tenham margem consignável ficarão isentos de pagar IOF ao fazer um novo contrato ou uma novação a partir da próxima terça-feira.

Vale lembrar que, quando o IOF é cobrado, a taxa total, de 3,38%, é descontada do valor concedido pela Petros e integralmente repassada ao governo. Devido à isenção esta cobrança não incidirá sobre o valor do empréstimo Petros.